sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Me acalme

Me acorde no meio da noite pra me lembrar que está aqui
Me acalme
Me coloque pra dormir
Me tire desse mundo ruim
Dessa caixinha de insatisfações que eu mesma construí
E não consigo mais sair
Me acalme com o calor do seu corpo
Com um punhado de versos escorrendo por seus olhos
Lábios
Respiração
Suor

Um comentário:

nofinodofio disse...

é mesmo tão bom qdo a gente encontra alguém para mergulhar num sentimento sem medo... uma pena q seja tão difícil encontrar uma pessoa em quem confiar nossas fragilidades...